Hotel para mortos

O Japão é um país de idosos e tem uma das maiores taxas de mortalidade no mundo: cerca de 1% ao ano. Tanto é assim que as empresas de incineração não são suficientes para cremar os corpos que vêm a eles todos os dias. Em Yokohama, o primeiro hotel inaugurado para mortos no país: Lastel. Por um preço de 12.000 ienes (uns 270 reais) por dia, as famílias podem deixar os restos mortais de seus entes queridos em qualquer um dos 18 quartos presentes no estabelecimento.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *