10 coisas que você faz todos os dias que são totalmente proibidas na Coréia do Norte

Coréia do Sul e a do Norte eram um único sistema, porém com sua separação e a mudança da política da Coréia do Norte, a diferença entre as duas ficaram muito grande, como você pode ver neste post que mostra as grandes diferenças entre Coréia Norte e Coréia do Sul

Considerado o país mais fechado do mundo, a Coréia do Norte vive em um regime ditatorial rígido onde muitas coisas que são consideradas comuns para nós, são totalmente proibidas no país.

A seguir você verá 10 coisas que você faz todos os dias que são totalmente proibidas na Coréia do Norte.

 

10 coisas que você faz todos os dias que são proibidas na Coréia do Norte

 

10 – Acessar a internet

Redes sociais são proibidas na Coréia do Norte, de modo que a internet não é livre no país. Somente o governo e a elite norte coreana, além dos jornalistas, possuem acesso menos limitado ao conteúdo online, mesmo com uma velocidade extremamente baixa.

9 – Ligar para outros países

Ligações que são feitas para alguém de fora da Coréia do Norte são passíveis de pena de morte. Em 2007 um homem foi morto por ter feito inúmeras ligações internacionais.

8 – Dirigir

Somente funcionários do governo têm o direito de possuírem um carro na Coréia do Norte e um limite de 1 carro para cada 100 pessoas. Mulheres não podem, sob hipótese alguma, dirigir no país.

7 – Sorrir e falar alto em datas específicas

Desde 1994 há uma lei que proíbe que os norte-coreanos de sorrirem, beberem ou dançarem, além de falarem alto na rua, nos dias 8 de julho. A lei está relacionada com a morte de seu primeiro líder.

6 – Escolher sua profissão

Os cidadãos já são designados às suas respectivas profissões ainda no colégio.

5 – Ter um parente com antecedentes criminais

Segundo as leis norte coreanas, assim como o Sippenhaft da Alemanha nazista, ter um parente que já cometeu um crime também é considerado crime. Isso porque “o sangue ruim corre nas mesmas veias”, de acordo com o governo.

4 – Dormir durante uma reunião

Apesar de ser algo extremamente mal educado, isso acontece aqui no Brasil – algo que jamais poderá acontecer na Coréia do Norte. O ministro da Defesa da Coréia do Norte foi executado por adormecer durante uma das reuniões e não cumprir as ordens de Kim Jong-um.

O ato é considerado como deslealdade.

3 – Ter o mesmo nome do líder de seu país

A lei existe há mais de três anos, em que o nome do governante deve pertencer apenas às suas gerações.

Tal ato é considerado como insulto e o indivíduo deve mudar de nome caso tenha o mesmo.

2 – Ter uma bíblia

Existem severas leis sobre pregação religiosa no país, de modo que o americano Jeffrey Fowle, de 56 anos, ficou preso por cinco meses na Coréia do Norte depois de ter esquecido uma bíblia no banheiro de um restaurante.

1 – Assistir filmes ou ouvir músicas

Filmes e músicas estrangeiras são consideradas um ataque ao governo do país. Por isso, se alguém for pego fazendo isso, pode ser punido com trabalho forçado, prisão e até mesmo a morte.

Além dessas proibições, os norte coreanos, em hipótese alguma, podem deixar o país e usarem trajes como os outros utilizados ao redor do mundo, como biquínis a título de exemplo. A pornografia também é considerada crime, como também a prostituição, sendo passíveis de pena de morte.

Fonte: Mistérios do Mundo